fbpx
Home / Afiliados / Aprenda a definir a comissão ideal para os afiliados do seu produto

Aprenda a definir a comissão ideal para os afiliados do seu produto

 

Trabalhar com um programa de afiliados é a maneira mais rápida e eficiente de garantir aumento de faturamento para seus produtos digitais. Como? Uma boa rede de contatos vai gerar resultados significativos, incluindo maior divulgação, melhor segmentação de público, aumento de tráfego para o site e índices mais elevados na conversão de acessos em vendas. Mas se você está considerando trabalhar com os afiliados, certamente já entendeu tudo isso! A questão é que você ainda possui dúvidas práticas, mais precisamente quanto à definição da comissão a ser oferecida, correto? Se a sua resposta a essa indagação é um sim, fique tranquilo! Veio ao local certo! Essa é uma questão de matemática pura e neste post você vai encontrar detalhes importantes sobre três passos básicos a serem seguidos na hora de fazer os cálculos. Está pronto? Então pegue calculadora, papel e caneta e vamos começar!

Primeiro passo

A primeira etapa para que você consiga fixar um percentual adequado de comissão é o levantamento de custos. É bem verdade que a comercialização do seu produto digital não gera gastos com espaço físico, logística ou funcionários, porém isso não quer dizer que o negócio tenha custo zero. Então, coloque na ponta do lápis quais são suas despesas mensais. Considere tudo mesmo: desde o investimento em divulgação até as contas do provedor da Internet e da energia elétrica. Fez a soma e encontrou o valor final? Ótimo! O resultado deve ser dividido pela quantidade média de itens vendidos por mês, para que seja definido o custo de cada unidade. Para terminar, esse último valor precisa ser somado à taxa paga para a plataforma de vendas (que vai armazenar o produto, processar pagamentos, realizar entregas aos compradores e ainda enviar os depósitos do dinheiro a você e seus afiliados), que no caso, somos nós do Hotmart!

Quer entender melhor como os cálculos devem ser feitos? Vamos imaginar que você seja o produtor de um e-book comercializado atualmente por R$ 50,00. Todos os meses, faz um investimento de cerca de R$ 1 mil para manter suas vendas virtuais, considerando custos com publicidade e despesas gerais de manutenção. No mesmo período, a média é de 250 unidades vendidas. Isso quer dizer que cada item tem um custo de comercialização de R$ 4,00. Além disso, para cada produto digital vendido você paga uma tarifa de R$ 4,95 para a plataforma de armazenamento. Portanto, no final, o custo individual do seu material é de R$ 8,95. Simples, não?! Bom, então já podemos partir para a segunda etapa: a definição do preço. Equívocos de precificação são muito comuns nos mais diversos setores da economia, e com a Internet não é diferente. Então fique atento e não caia nesse erro!

Segundo passo

Vamos continuar considerando que você esteja comercializando um e-book por R$ 50,00. Será mesmo que esse valor é adequado? Nunca se esqueça do princípio básico de que os produtos digitais precisam ser mais acessíveis do que os itens físicos. Poucas pessoas comprarão seu material se tiverem a oportunidade de adquirir conteúdo semelhante mais barato em lojas convencionais. Então o segredo é pesquisar! Verifique o valor das principais publicações da área disponíveis nas livrarias e também cheque quanto seus concorrentes virtuais estão cobrando. Preços dentro da média vão assegurar que seu material tenha boa competitividade. Portanto, se depois de realizar os levantamentos você chegar à conclusão de que fixou um valor muito alto, a solução será baixar. Tenha certeza de que isso não vai significar perdas. Pelo contrário! As vendas vão aumentar e você vai ganhar mais!

Bem, agora que você já conhece os custos de comercialização do seu produtos e também já definiu um preço adequado para ele, finalmente está na hora de chegarmos à ultima etapa.

Terceiro passo

Aquele pelo qual está aguardando até agora: a fixação do percentual de comissão. Vamos voltar à situação hipotética de que seu e-book é vendido por R$ 50,00, com despesas totais de R$ 8,95. Nesse caso, você terá uma sobra de R$ 41,05. Esse valor nada mais é do que o lucro! É sobre ele que o percentual das comissões deve ser calculado. Agora a principal pergunta a ser respondida é: quanto do seu lucro você está disposto a dividir?

Saiba que as comissões podem variar drasticamente dependendo do produto. Trabalhar com valores muito pequenos não é aconselhável. Isso tornará seu produto digital pouco atraente para os afiliados! Eles são parceiros importantes do seu negócio e precisam ter condições vantajosas de trabalho. Portando só fixe percentuais baixos se seu produto digital for um grande campeão de vendas! Por outro lado, oferecer comissões excessivamente elevadas pode acabar fazendo com que você perca muito em faturamento. Não há dúvidas de que a indicação do afiliado é bastante valiosa e de que deve ser bem valorizada, mas também é justo que você fique com uma boa parte das vendas. Por este motivo, a oferta de mais de 65% em comissões exige estratégias de vendas estudadas, com cálculos bem feitos, para que depois o produtor não fique com a sensação de que está perdendo dinheiro.

O ideal, portanto, é trabalhar com o bom senso e fixar uma comissão adequada para você e seus afiliados! Ofereça no mínimo 30% de comissão para que consiga atrair a atenção dos parceiros. Considere ainda a possibilidade de aumentar um pouco mais essa margem, chegando a até cerca de 50%. Tenha em mente que quanto mais afiliados você atrair, maiores serão as vendas. Na prática, isso vai significar mais dinheiro na sua conta! De qualquer forma, saiba que não existe uma fórmula mágica com um percentual pré-definido. Cada caso é um caso! Comece com uma margem que considere segura e vá analisando o desempenho das conversões. Em pouco tempo será possível conferir na prática qual é a comissão ideal para seu negócio. Então, faças as contas e boas vendas!

Gostou das dicas? Elas te ajudaram a definir o percentual de comissão do seu produto digital? Compartilhe aqui sua experiência! Revele sua estratégia e comece desde já a atrair sua futura rede de afiliados!

 

Veja mais na fonte :Clique Aqui

Sobre Segredo de Uma Vida Boa

Verifique também

Perguntas Frequentes: Afiliados

As maiores dúvidas dos Afiliados! Aqui está a lista de perguntas frequentes enviadas por produtores. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *